terça-feira, setembro 14, 2010

Febre de Saudade

Tenho febre de saudade

De saudade que me invade

Que me invade e não parte

Que me parte, mas não me abate

Não me abate esta saudade

Que me és pura lealdade

Nunca tenhas piedade

De um coração que só diz verdade

Simone Poliakovas

14.09.2010



Um comentário:

Giovanna Castellao disse...

Si, muito obrigada por ter colocado um link do meu blog no seu... obrigada pelo incentivo! Vc me deu uma otima ideia... farei pelos meus amigos, o mesmo q vc fez por mim. Bjokas mil!