segunda-feira, maio 25, 2009

"Ser Comissária de Voo"


Dia 31 de maio comemora-se o dia do Comissário(a) de Voo, então escrevi em Janeiro de 2007 sobre como é a vida de comissária de voo no meu ponto de vista, já que faz 11 anos e meio que sou uma, e hoje estou postando novamente, e nesse tempo todo agradeço a cada dia a oportunidade de ter conhecido novos lugares, novas culturas e acima de tudo aprender a lidar com a maneira de ser de cada indivíduo, já que trabalho cada voo com pessoas diferentes e lido também com os nossos eternos passageiros, sem eles não teríamos alguns fatos importantes e engraçados também, parabéns a todos meus colegas de trabalho, que tenham sempre céus iluminados e seguros. Espero que apreciem o texto, sei que meus amigos comissários vão rir, mas quem não for pelo menos sinta como é nossa vida...ah, estão vendo a foto até boneca eu virei e a maquete e do primeiro avião que voei, o qual foi minha escola, o Fokker-100.
"Ser Comissária de Voo"
Alguns fatos da minha vida como comissária de voo, então para mim ser comissária de voo é:
Descobrir que o primeiro voo não é para apreciar a paisagem pela janelinha do avião, quem aprecia é o passageiro...
Aproveitar cada momento do pernoite mesmo que tenham pererecas no hotel de Macapá, vença as pererecas e se aventure colhendo mangas, ou então, peça um saboroso sorvete de tapioca...
Chegar a Belém e comer açaí, tacacá, pato no tucupi, jambú, marcar encontro com a galera para depois da chuva, querer um vaso marajoara que não cabe na mala e nem no porta-casaco...
Ser dos poucos brasileiros que consegue conhecer Manaus e descobrir que índios ainda existem e estrangeiros também existem, ah meu Manaus o que seria você sem lenda de boto, sem tucunarés, sem surubins, sem pirarucus, sem nosso amado Amazonas...
Ir à Porto Velho e achar que está no inferno de tão quente que é levar e buscar passageiros, oh meu Deus, me empresta o filtro solar, boné e óculos escuros...
Ir à São Luiz e se contentar com a praia em frente ao hotel, pois os Lençóis Maranhenses ficam à quilômetros de lá e no pernoite não dá para ir, já o arroz de cuchá nem pensar odeio camarão...
Adorar a feirinha de Fortaleza, aliás, para viajar precisamos de necessaires e lá tem as melhores, ah é a terra do nosso querido José de Alencar e sua Iracema, a virgem dos lábios de mel, que tinha os cabelos mais negros que o da asa de graúna e mais longos que seu talhe de palmeira... desculpa, adoro literatura, mas lá tem Sol e muita ventania, sintam-se empanados se forem tomar Sol na praia...
Ir a João Pessoa e assitir ao Pôr-do-sol mais lindo com direito a escutar o Bolero de Ravel...
Ver em Natal o Morro do Careca que é proibido de subir, ir à creperia, e curtir MPB e não bundalelê nos restaurantes de lá...
Ir à praia de Boa Viagem em Recife e curtir algas e tubarões, já quem não quiser isso vá a Porto de Galinhas...
Ir a Maceió e comer uma tapioca, aliás, duas, uma de carne seca e outra de leite condensado, banana e coco ralado, se der tempo vá à praia do Francês...
Ir a Salvador é descobrir que a palavra “lesera” é uma característica predominante dos soteropolitanos, é fácil perceber vá a um restaurante, mas faça um lanchinho antes senão você morre de fome, affe nem o lanche ainda chegou?
Chegar a Brasília qualquer dia da semana e não só chegar terça e sair na quinta à noite, isso só os deputados e as “luxuosas damas de companhia” que ficam em cada esquina, o mercado de trabalho para elas lá deve render como o aumento dos salários deles...
Experimentar pastel de guariroba em Goiânia e descobrir que nem só o jiló é amargo, vai ser curiosa e gulosa, bem-feito...
Tomar o melhor caldo de piranha em Campo Grande, claro com farinha e pimenta...
Comer a melhor costela de tucunaré em Cuiabá, claro depois de andar quarteirões debaixo de um sol escaldante...
Ir a Palmas e comprar bolsa e acessórios de Capim-dourado lá do Jalapão, aproveita, pois na Europa o preço é um absurdo...
Ir a Belo Horizonte comprar roupas no Barro Preto, encher a mala de queijos, e se for inativo ir a Ouro Preto...
Comer a melhor Muqueca Capixaba, descobrir que eles adoram coentro e suas praias são lotadas de mineiros...
Ter a sorte de olhar na janelinha do avião em um dia de Sol e saber o porquê os cariocas são convencidos, o Rio de Janeiro é maravilhoso, uma das paisagens mais belas de nosso Brasil...
Tomar uma bela sopa em Curitiba em um dia muito frio, e caso tenha tempo ir a Santa Felicidade comprar vinhos...
Ir andar na Lagoa da Conceição e conhecer a Praia da Joaquina em Floripa, eita água fria...
Comprar sua primeira jaqueta de couro em Porto Alegre posso dar as coordenadas das melhores lojas e ver o pôr-do-Sol no Guaíba...
Começar o tão esperado vôo internacional...
Descobrir que em Miami o inglês tem sotaque “cucaracho”, ou então começa de uma vez por todas a falar portunhol ou mesmo o português...
Chegar a Londres e ninguém entender o seu inglês, aliás, o seu sotaque é muito americano, e os indianos em Londres não te entendem, onde estarão os Londrinos?
Conhecer Torre Eiffel, Arco do Triunfo, Champs Elisé, Notre Dame e cemitério, sim lá em Paris cemitério é ponto turístico, mas caso esteja cansado no dia que chegar lá vá ao Carrefour ou então à Ikea fazer umas comprinhas, tipo nutella, vinhos, queijos e coisas para o lar...
Conhecer Lisboa em apenas algumas horas e conseguir tirar foto de quase tudo, ah não esquecendo dos pasteizinhos de Belém...
Ir a Madrid e Barcelona e comer paella e tomar sangria, só deu tempo para isso...
Ir a Zurich e ver os alpes suiços de longe, pois era muito longe e não dava tempo, mas comprar chocolate sempre deu tempo...
Fazer o passeio de barco pelos canais de Amsterdan, ver mulheres se vendendo em vitrines, milhares de bicicletas pela cidade e a “Dona Mariahuana” rolando livre, leve e solta...
Ir à Buenos Aires conhecer a Casa Rosada e túmulo de Dona Evita, ficar presa no hotel por causa de panelaços, e voltar pra casa cheia de alfajores, doce de leite e creme Atrix para as mãos...
Chegar a Santiago do Chile e ir ao Funicular. Funicular? O que é Funicular, um verbo? Não, é um bondinho que sobe e sobe até chegar a um teleférico para apreciar a paisagem inteira da cidade e também chegar ao Santuário Nossa Senhora da Conceição...
Chegar a todos esses lugares depois de um vôo cansativo e perceber que nem tudo é desvantagem quando resolvemos viver como os pássaros. Nós somos livres para decidir o que é melhor na nossa vida e é essa a vida que escolhi para mim, aliás, o destino que colocou essa profissão na minha vida e aproveito cada segundo de toda vantagem que ela me proporciona, desvantagens tem sim, mas é melhor nem pensar...
Simone Poliakovas (Comissária de voo: Simone Silva ) Janeiro/2007


sexta-feira, maio 08, 2009

MÃE

Não estarei por aqui este ano no dia das mães por isso deixo minha homenagem a minha Mãe e a todas as mães.

Mãe é aquela que nos ilumina a cada caminhada da vida
Amiga nos melhores e piores momentos é aquela que ri e chora junto
Exigente no que deve ser e o anjo mais encantador que Deus nos enviou.

Parabéns a todas as mães e um especial a minha mãe!!!

Simone Poliakovas



terça-feira, maio 05, 2009


"A vida é uma poção mágica onde o responsável pela receita da poção é você e somente você, por isso não abandones o caldeirão e faça a melhor poção...a magia da vida está dentro de cada um de nós.”
Simone Poliakovas

sábado, maio 02, 2009

A Mulher e o Signo - Vinícius de Morais


Mulher de Áries
Branca, preta ou amarela
A ariana zela.
Tem caráter dominador
Mas pode ser convencida
E aí, então fica uma flor: Cordata... e nada convencida.
Porque o seu denominador
É o amor.
Eu cá por mim não tenho nenhum preconceito racial:
Mas sou ariano!
Mulher de Touro
O que é que brilha sem Ser ouro?
- A mulher de Touro!
É a companheira perfeita
Quando levanta ou quando deita.
Mas é mulher exclusivista.
Se não tem tudo, faz a pista.
Depois, que dona de casa...
E à noite ainda manda brasa.
Sua virtude: a paciência
Seu dia bom: a sexta-feira
Sua cor propícia: o verde
As flores de seus pendores:
Rosa, flor de macieira.
Mulher de Gêmeos
A mulher de Gêmeos
Não sabe o que quer
Mas tirante isso
É boa mulher.
A mulher de Gêmeos
Não sabe o que diz
Mas tirante isso
Faz o homem feliz.
A mulher de Gêmeos
Não sabe o que faz
Mas por isso mesmo
É boa demais...
Mulher de Câncer
Você nunca avance
Em uma mulher de Câncer.
Seu planeta é a Lua
E a Lua, é sabido
Só vive na sua.
É muito apegada
E quando pegada
Pega da pesada.
É mulher que ama
Com muito saber
No tocante á cama
Não sei lhe dizer...
Mulher de Leão
A mulher de Leão Brilha na escuridão.
A mulher de Leão, mesmo sem fome
Pega, mata e come.
A mulher de Leão não tem perdão.
As mulheres de Leão Leoas são.
Poeta, operário, capitão
Cuidado com a mulher de Leão!
São ciumentas e antagônicas
Solares e dominicais
Ígneas, áureas e sardônicas
E muito, muito liberais.
Mulher de Virgem
Se Florence
Nightingale era Virgem
Não sei... mas o mal é de origem.
A mulher de Virgem aceita a amante
Isto é: desde que não a suplante
Sexo de consumo, pães-de-minuto
Nada disso lhe há de faltar
O condomínio é absoluto
A Virgem é mulher do lar.
Opala, safira, turquesa
São suas pedras astrais
Na cuca, muita esperteza
Na existência, muita paz.
Mulher de Libra
A mulher de Libra
Não tem muita fibra
Mas vibra.
Quer ver uma libriana contente?
Dê-lhe um presente.
Quando o marido a trai
A mulher de libra
Balança mas não cai.
Se você a paparica
Ela fica.
Com librium ou sem librium
Salve, venusina
Que guarda o equilíbrio
Na corda mais fina.
Mulher de Escorpião
Mulher de escorpião
Comigo não!
É a Abelha Mestra
É a Viúva Negra
Só vai de vedete
Nunca de extra.
Cria o chamado conflito de personalidades.
É mãe tirana
Mulher tirana
Irmã tirana
Filha tirana
Neta tirana
Tirana tirana
Agora, de cama diz
Que é boa paca.
Mulher de Sagitário
As mulheres sagitarianas
São abnegadas e bacanas
Mas não lhe venham com grossuras
Nem injustiças ou censuras
Porque ela custa mas se esquenta
E pode ser muito violenta
Aí, o homem que se cuide...
-Também, quem gosta de censura?
Mulher de Capricórnio
A capricorniana é capricornial
Como a cabra de João Cabral.
Eu amo a mulher de capricórnio
Porque ela nunca lhe põe os próprios.
A caprina é tão ciumenta
Que até os ciúmes ela inventa.
Mulher fiel está aí: é cabra
Só que muito abracadabra.
Suas flores: a papoula e o cânhamo
De onde vêm o ópio e a maconha
Ela é uma curtição medonha
Pôr isto nos capricorniamos.
Mulher de Aquário
Se o que se quer é a boa esposa
A aquariana pousa.
Se o que se quer é uma outra coisa
A aquariana ousa.
Se o que se quer é muito amor
A aquariana
É mulher macho sim senhor.
Porém não são possessivas
Nem procuram dominar
Ou são meigas e passivas
Ou botam pra quebrar.
Mulher de Peixes
Mulher de peixe...
peixe é
Em águas paradas não dá pé
Porque desliza como a enguia
Sempre que entra numa fria.
Na superfície é sinhazinha
E festiva como a sardinha
Mas quando fisga um namorado
Ele está frito, escabechado.
É uma mulher tão envolvente
Que na questão do Paraíso
Há quem duvide seriamente
Que ela era a mulher e a serpente.
Seu Id: aparentar juízo
Seu Ego: a omissão, o orgulho
Sua pedra astral: a ametista
Seu bem: nunca ser bagulho
Sua cor: o amarelo brilhante
Seu fim: dar sempre na vista.
Para quem não sabe astrologia era uma das manias de Vinícius de Morais, ele era de escorpião e nunca deixou de ler a previsão de seu signo.